Banner de anúncio dentro de posts(topo)

dízimoIgrejaParóquia

DÍZIMO É GRATIDÃO, NÃO PAGAMENTO!




DÍZIMO: UM POUCO DE TODOS, PARA O BEM DE TODOS” 

João Israel da Silva Azevedo 


     No mês de julho, todos os anos a igreja no Brasil recorda a importância do dízimo, pois “todos os dízimos da terra são propriedades do Senhor” (cfLv 27,30), assim, a Igreja – mãe que é – nos convida a DEVOLVERMOS em forma de gratidão a uma parcela do que a terra nos oferece. “Devolver ou não” é uma opção pessoal, mas a IGREJA nunca nos obriga a fazermos nada, ela nos exorta a contribuirmos, ela também não nos impõe o valor, que à raiz da palavra rememora a décima parte, ela nos expõe o que São Paulo em sua segunda carta aos cristãos de Corinto: “Que cada um dê conforme tiver decidido em seu coração, sem pesar nem constrangimento, pois “Deus ama quem dá com alegria” (II Cor 9,7). 

DÍZIMO É GRATIDÃO, NÃO PAGAMENTO! 

      A quantia em si não importa, mas o seu valor espiritual, eclesial, missionário e caritativo sim! O Dízimo não é nosso, é de domínio do Senhor, por isso não devemos exitar em negá-lo. Ao devolver o dízimo à nossa comunidade-paróquia atendemos o chamado do Mestre que prega “Ide por todo mundo Pregai o Evangelho a toda Criatura”. (cfMc 16,15). Nossa colaboração mensal do dízimo colabora nas dimensões RELIGIOSA, ECLESIAL , MISSIONÁRIA e CARITATIVA. 

     A primeira dimensão – RELIGIOSA – refere-se a um patamar de gratidão, de devolução, de ter à experiência de se valer dos bens materiais, sem apego e com a certeza de estar a buscar o Reino de Deus e a sua justiça (Mt 6,33) e a colaborar com a causa. A segunda premissa – ECLESIAL – diz respeito a responsabilidade cristã, em ser membro contribuinte da Igreja, dando condições às paróquias em sua celebrações, na manutenção do culto divino e afins. Por conseguinte, na dimensão MISSIONÁRIA sobressai-se a partilha para com as outras igrejas que não conseguem prover suas necessidades com os seus próprios proventos, em forma de “Igrejas-irmãs” e “Comunhão e Partilha”. A ultima e indispensável à Igreja Católica, é a dimensão CARITATIVA, para que “ninguém passe necessidade”, tudo sendo distribuído conforme a necessidade de cada um (At 4, 34-35), pois “a opção preferencial pelos pobres está implícita na fé cristológica”. Nisto, resume-se o dízimo como “um pouco de todos, para o bem de todos”.

SEJA UM DIZIMISTA FIEL

        Se você deseja devolver o seu dízimo na Paróquia Nossa Senhora da Piedade, pode entrar em contato pelo telefone whatsApp - 99 98403-2328. E faça esta belíssima experiência de fé.


Redação Pascom Catedral de Coroatá-MA
Texto: João Israel da Silva Azevedo 
Arte e designer: Auzenir Silva
Foto: Internet

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Banner abaixo da matéria