Banner de anúncio dentro de posts(topo)

EditorialParóquiaRessurreição

É preciso viver com Jesus, e escutar seus apelos para entender o mundo de hoje - Editorial do mês de abril



Editorial mês de abril

Padre João Evangelista: É preciso viver com Jesus, e escutar seus apelos para entender o mundo de hoje. Não basta falar de Jesus, como muitos fazem, a nossa missão tem como centro o Ressuscitado. 

Celebramos o Domingo de Páscoa, Dia da Ressurreição do Senhor, a maior alegria dos cristãos. O Evangelho começa a narrar o primeiro dia da semana, que significa: vida nova; nova criação e Dia do Senhor. 

A primeira testemunha, Maria Madalena, foi ao túmulo no amanhecer do primeiro dia da semana, ainda escuro. Quando chegou, a pedra estava removida, voltou correndo para contar a notícia aos discípulos: Pedro e João, o discípulo amado. 

Eles foram correndo ao túmulo. Essa dupla atitude de correr juntos têm um significado importante: João chegou primeiro e percebeu os sinais da ressurreição. Pedro chegou depois, entrou no túmulo, mas não entendeu que Jesus tinha ressuscitado. O discípulo amado sempre estava próximo de Jesus: na Última Ceia, estava ao lado, na hora da morte ao pé da cruz e no Lago de Tiberíades o Ressuscitado foi reconhecido por João. Por causa dessa proximidade, João "viu e acreditou." 

O discípulo amado, por ser próximo Jesus, tinha facilidade em reconhecer os sinais da ressurreição. A distância dificulta entender a esperança que renasce da ressurreição. É preciso viver com Jesus, e escutar seus apelos para entender o mundo de hoje. Não basta falar de Jesus, como muitos fazem, a nossa missão tem como centro o Ressuscitado. 

Neste tempo de pandemia da Covid-19 podemos dizer que estamos em um tempo de trevas. E a ressurreição é um sinal de esperança que está presente na vida dos profissionais de saúde que estão na linha de frente para salvar vidas, e de todos que tem a missão salvadora de Jesus Cristo. 

Infelizmente, muita gente continua sem perceber os sinais do Ressuscitado. Acredita que a Covid-19 é uma mentira e invenção da mídia. Escuto inconsequências constantes de pessoas desinformadas, embora, sendo um assunto em pauta nos meios de comunicação. A situação que estamos vivendo nos causa preocupação, devido ao avanço da contaminação do vírus em nosso Estado. 

Que nossas atitudes sejam semelhantes às atitudes do discípulo, que teve discernimento e entendeu sinais de Cristo Ressuscitado. Que possamos tirar as pedras do nosso caminho, que nos impedem de entender que Jesus ressuscitou. Ele Ressuscitou verdadeiramente. 

Feliz Páscoa! 

Padre João Evangelista 
Pároco da Paróquia Nossa Senhora da Piedade

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Banner abaixo da matéria