Banner de anúncio dentro de posts(topo)

BíbliahistóriaParóquia

Bíblia - Conheça um pouco de sua história

Em comunhão com a Igreja Católica Apostolica Romana, no Brasil, celebramos neste mês de setembro o mês da Bíblia. Mês dedicado a leitura mais premente e incessante desta grande carta de amor de Deus por nós. Historicamente falando, adotou-se o mês de setembro para dedicar-se à Biblia, pelo fato de no dia 30 de setembro ser lembrado na Liturgia São Jerônimo, homem íntegro que traduziu a Bíblia dos originais (hebraico, grego e alguns trechos em aramaico) para o latim, a língua da Igreja. Após essa tradução, a versão recebeu o nome de “Vulgata”, que, em latim, significa “popular” e o seu trabalho é referência nas traduções biblistas até hoje.
Inicialmente celebrada, a primeira vez a ser maniefstada um mês todo dedicado à Biblia, foi em 1971 por ocasião do cinquentenário da Arquidiocese de Belo Horizonte-MG, após, apresentado a Conferência dos Bispos do Brasil (CNBB), por impulso do Serviço de Animação Bíblica da Congregação das Paulinas, que logo logo tomou conta do Brasil. 
Essa “palavra-carta-amor-viva” entre nós é eterna, eficaz e “permanece para sempre” (1Pd 1,25). A Bíblia é uma compilação de gratidão e amor, onde o Proprio Deus fala a seu povo em relação à nossa salvação, que se dá por meio de seu filho Único, Jesus Cristo, o centro de toda a nossa ação litúrgica, em que se cumpre todas as promessas profecias prometidas no Antigo Testamento para os fieis tementes a Deus. 
A Biblia não é, e não deve ser um ornamento que embeleza nossos movéis, nossas casas, nossas Igrejas, a Biblia é o nosso alimento de cada dia, na busca pela santidade e sustento de nossa vida, pois ela é  “viva e eficaz” (Hb 4,12). Ao lê-la, sentimos a mãe de Deus sobre nós, revelando-se sobre o propósito da vinda de Cristo, nosso irmão,a fim de que a salvação se cumpra plenamente, porque “Toda Escritura é inspirada por Deus e é útil para ensinar, para argumentar, para corrigir, para educar conforme a justiça” (2Tm 3,16).
Ela se revela ao longo da história, desde os primordios, de nossos pais na fé, passando por Abraão, Moisés, pelos profestas enviados por Deus, até a vinda de Cristo – que nos veio salvar, até  a morte dos apostolos quando foi escrito o Apocalipse de São João, no final do primeiro século. A Palavra de Deus foi inspirada pelo Espirito Santo e escrita por milhares de homens de fé, em conjunto. 
Há-se a necessidade urgente de ler e estudar a Bíblia incansavelmente para aquecer a nossa alma e arder nosso coraçãocom essas que  “ilumina nossos passos, e uma luz em nosso caminho” (Sl 118, 105), assim tudo passa nessa vida, mas  “a palavra do Senhor permanece eternamente” (Is 11,6-8).

Redação da PASCOM CATEDRAL DE COROATÁ MA
Texto:João Israel da Silva Azevedo
Cerimoniário Paroquial  | Assessor Liturgico
Paroquia Nossa Senhora do Rosário de Fátima - Esperantinópolis-MA
Arte-criação: Vandeilson Almeida

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Banner abaixo da matéria